Encontre no blog

17 novembro 2013

Educação e escola

A música conquistou, depois de muito anos, o direito de estar oficialmente dentro do espaço escolar. A escola, é, sem dúvida, um espaço privilegiado de aquisição dos conhecimentos sistematizado pela humanidade. Sem tirar o mérito dessa conquista, acredito ser deveras importante pensar um pouco no que significa a música estar dentro da escola. E, mais profundamente, qual o papel da música na escola?

Não podemos pensar no papel da música na escola sem discutir, primeiramente, qual é o papel da escola, e isso não é possível sem conhecermos a sua origem, a sua história. A escola é uma instituição que está bem longe de ser essa instituição bonita e bondosa, como prega seus defensores. Mas para que a gente possa defendê-la ou acusá-la, é preciso conhecê-la.

E para isso, indico para vocês duas referências indispensáveis para qualquer educador. Para que possamos defender a música na escola, precisamos saber de que escola estamos falando, para formar que tipo de pessoas, para qual sociedade. Se desejamos que a escola continue como esta ou se desejamos que ela mude (ou que ela acabe!), precisamos saber os porquês, os prós, os contras.



A primeira referência é o documentário "Escolarizando o Mundo: o último fardo do homem branco". O documentário mostra as consequências das políticas educacionais em em populações de vários partes do mundo, mostrando como as tradições e as culturas dessas populações estão se alterando.

A segunda referência é o livro "O que é Educação" de Carlos Rodrigues Brandão. Nesse livro, Brandão vai discutir o que é educação, passando pelas concepções de ensino e aprendizagem de tribos indígenas, pelo ideário grego e romano até chegar no que hoje entendemos por educação.



O livro está disponível em pdf. Clique aqui!
É bem curtinho e vale a pena a leitura!
O documentário vocês podem assistir pelo player abaixo. Caso não funcione, assista direto no Youtube!





Vamos discutir?

Nenhum comentário:

Postar um comentário